Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Dom de amar
 
O dom, de amar foi nos dado por direito
E compartilhá-lo é a forma que encontrei
Desde quando da poesia, me tornei eleito
Para o meu semelhante, sempre versei
 
Por não querer ver sonhos, desfeitos
Como poeta, reflexivas obras, eu elaborei
O dom, de amar foi nos dado por direito
E compartilhá-lo é a forma que encontrei
 
Carrego amor, paz, paixão em meu peito
Alentos, esteios para vida humana bem sei
Somente assim deixo Cristo Rei, satisfeito
Em suas eternas, mensagens  me inspirei
O dom, de amar foi nos dado por direito
 

Valdomiro Da Costa 05/11/2017


Interação
 
 
Bem maior
 

O amor todos buscamos por instinto,
no meu peito está batendo, eu sinto,
bate forte, todos podem escutar.
 
O amor é o bem maior da vida,
que se faz mais brilhante e colorida,
vamos todos, pois, então o amor saudar.
 
Satisfeito eu fiz este meu indriso.
 
No amor encontrei o paraíso.
 

Hluna 06/11/2017



 
Interação
 

Para poeta cheio de sentimento
O amor é mel com toda a magia
E lhe serve como doce alimento
No momento de se criar poesia
 

Trovador das alterosas 09/11/2017
                                                                              
                                         
           
 

 
 
 

 
SEMPREPOETA
Enviado por SEMPREPOETA em 06/11/2017
Reeditado em 12/11/2017
Código do texto: T6163771
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
SEMPREPOETA
Sumaré - São Paulo - Brasil
982 textos (66256 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/11/17 15:54)
SEMPREPOETA