Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
A Inteligência, essa mulher!

Chamar uma mulher de inteligente
é vício de linguagem ou pleonasmo.
É como se zombasse com sarcasmo,
chamando o desigual de diferente.

É como se um adoecer doente,
tornasse todo homem um ser humano,
um louco, de tão louco, um insano,
e toda humanidade fosse gente.

Pois a mulher é tão inteligente,
que faz conluio com a poesia,
outra mulher, eterna e permanente...

Uma mulher que vive e se apropria
da criação de sua própria mente,
da qual o homem nascerá um dia.
 
Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 31/01/2006
Reeditado em 25/12/2016
Código do texto: T106678
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Herculano Alencar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 63 anos
1394 textos (60824 leituras)
5 áudios (278 audições)
13 e-livros (3480 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/05/17 12:56)
Herculano Alencar

Site do Escritor