Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PERSIGUIÇÃO...


    (01 )                                                                                                             Perseguição...

Oh! Soneto minha fortuna e contemplação
É meu desafio! Nesta ventura,uma canção
Fazer de ti uma musica entoada de meus sons,
Que manhoso sejas, Como fados de Camões.

Que debele no futuro que o passado abisma
Nos registros da mente, onde moram versos.
Que me unjam as mãos os poetas meros!
Que Deuses da musica elevem augure depreca!

Dormirei esta noite,ninando a imaginação
De outras dimensões  quimeras auroras,
Topar Camões! Hei de encontrar-te Alucinação!

E trarei a arte, de compor em parte desvarios
Mostrarei ao mundo,que não morre o bardo!
Que só mudam os planos,nos panos trocados...

Deth Haak
22/10/2005

Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 16/02/2006
Código do texto: T112732
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 57 anos
547 textos (65345 leituras)
50 áudios (9714 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:17)
Deth Haak