Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O GRILEIRO

O grileiro, eu conheço, é um criminoso impune,
um gatuno de espécie a mais abjeta e ignara,
que prova em seu favor e em seu favor reúne
a polícia que ajuda e a justiça que ampara.

Chega e contempla a terra, o rio, o rancho, a igara
sem que suspeite alguém que ele morda e gatune.
Olha a cultura, ao dono o título repara,
a que lhe obriga a lei, a que ninguém é imune.

Corre ao cartório, espia, arruma, retifica.
Com o título na mão o registro pratica
e eis que o direito é seu - é sua a propriedade.

Vai ao juiz, requer. A polícia o mandado
de reintegrar na posse o cidadão esbulhado,
E cai o pano... À cena a lei e a sociedade...
João Justiniano
Enviado por João Justiniano em 04/03/2006
Reeditado em 04/03/2006
Código do texto: T118663

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
João Justiniano
Salvador - Bahia - Brasil, 96 anos
619 textos (19605 leituras)
13 e-livros (1027 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:03)
João Justiniano