Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto ao amor, o sonho

Tento encontrar um modo de dizer
Procuro pelo tempo que ja passou
Pequenas lembranças que aqui ficou
Dos nossos beijos, carícias e prazer.

Sim, continua vivo no coração, no ser.
Está cravado no peito tanto sentimento
Não consigo e nao quero jamais te esquecer
Mesmo que doa, que eu caia em abatimento.

Somente vivo e sinto essa decência
Que de tudo que eu sinta seja belo
Para conseguir alivio e resistência

Estimando meu sonho com alegria
Ser feliz, conquistar a mais linda magia.
A nobreza do amor a felicidade em meus dias

Andreia Cristina Guadagnin
Enviado por Andreia Cristina Guadagnin em 22/03/2006
Código do texto: T126883
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Andreia Cristina Guadagnin
Pariquera-Açu - São Paulo - Brasil, 40 anos
199 textos (20219 leituras)
2 e-livros (138 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:44)
Andreia Cristina Guadagnin