Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A LÁGRIMA DE DEUS

Como se fosse a lágrima pingente,
Que rolasse dos olhos marejados
De Deus, a estrela pálida cadente
Que eu vi descer dos céus iluminados,

Fez-me pensar na dor de um Deus clemente,
Que viu, na cruz, os membros lacerados
Do filho amado, único e inocente,
Para salvar os homens dos pecados.

E hoje, depois de quase dois mil anos
De tanta espera e tantos desenganos
Fica Deus ainda mais cheio de mágoa;

Contemplando o seu mundo com tristeza,
Vê nas ações dos homens a vileza,
E fica, então, com os olhos rasos d’água.

Raymundo de Salles Brasil
Enviado por Raymundo de Salles Brasil em 15/04/2006
Código do texto: T139453
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Raymundo de Salles Brasil
Salvador - Bahia - Brasil, 83 anos
237 textos (6820 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 15:06)
Raymundo de Salles Brasil