Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor minúsculo

A mídia canta o amor comercial
nos filmes, nas novelas, na TV,
nas casas de massagens, para quê?
para fazer do amor um bacanal?

A mídia canta o amor com tal desprezo,
a ponto de apagar a sua luz,
mostrando a carne, que também seduz,
mas não mantém o amor forte e aceso.

O que lhes interessa é o vil metal,
que compra um bem material qualquer
porém a mística do amor profana.

E, minusculizado, um amor banal,
exposto e contradito, é, pra quem quer,
vendido em série a preço de banana.
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 16/04/2006
Código do texto: T139943
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Paulo Camelo - www.camelo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 68 anos
909 textos (260163 leituras)
36 áudios (10732 audições)
6 e-livros (1672 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:42)
Paulo Camelo

Site do Escritor