Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESPETÁCULO, APENAS

A LUZ DA NOITE NOS CONFUNDE;
PÁLIDA, TRISTE, É A LUZ DO LUAR.
O SILÊNCIO LAMURIA; CHORA O VENTO
TANGENDO AS NUVENS A PASSAR.

A MÚSICA PÁLIDA, DENTRO DA NOITE,
COM MÃO AUSTERA TENTA AFAGAR
O SER CANSADO -CRIATURA ERRANTE-
QUE NO SILÊNCIO AUSENTE QUER SE ANULAR.

QUE LUZ, QUE MÚSICA, ABSTRATAS,
ESPETÁCULO ESQUECIDO, SEM RUMO,
FEITO PRA NOITE, A TRÉVA FUNÉREA,

SEM LUAR, ESTRÊLA, SILÊNCIO;
SEM TEMPO, SEM CÉU E SEM MAR,
APENAS ESPETÁCULO ESQUECIDO DE PASSAR.

Olinda- PE, em 03 de janeiro de 1978.
MAZZAROLO ANGHINONI
Enviado por MAZZAROLO ANGHINONI em 27/04/2006
Reeditado em 14/04/2009
Código do texto: T146374
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MAZZAROLO ANGHINONI
Nova Roma do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil
138 textos (37660 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:28)
MAZZAROLO ANGHINONI

Site do Escritor