Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EVITO O LONGO PRAZO!

Eu penso sempre na morte, como algo natural, desiderato desta vida terrena. Trabalho muito, talvez mais do que deveria, o que me causa algum cansaço mental e estresse. Venho preparando-me para enfrentar a morte com a dignidade de quem pensa e de quem ama e sinto ter que deixar meus entes queridos. Espero que ainda tenha tempo para pensar e realizar um pouco mais os sonhos que me afloram. Estava assistindo o programa Altas Horas e me ocorreu falar sobre esse tema. Tenho vontade de conversar com meus filhos, prepará-los para a minha passagem, mas não tenho coragem. Deixo claro que não estou doente, nem desejo morrer. Se eu pudesse, viveria o suficiente para criar meus bisnetos. Pois netos tenho e netas meninos e moças, tenho seis, além dos meus quatro filhos.
Deixo essa mensagem para que eles saibam o quanto são importantes para mim e para que sigam o meu exemplo, melhorando apenas quanto ao controle das finanças, que para mim, é algo quase impossivel. E que sejam pessoas de bem. Amém!

EVITO O LONGO PRAZO!

Depois dos sessenta anos
Na vida ainda me abraso
Crio sucessivos planos
Mas evito o longo prazo...

Com projetos diferentes
E prazo de poucos meses
Vou colhendo essas sementes
Pelos anos, muitas vezes...

E detesto a hipocrisia,
A vingança, a covardia...
Pois sou um homem sincero

Eu tenho muitos amores
Filhos, amigos - atores
De tudo quanto mais quero!!!

Bahia, 03:36 AM
Ricardo De Benedictis
Enviado por Ricardo De Benedictis em 30/04/2006
Código do texto: T147701

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo De Benedictis
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 77 anos
1214 textos (272382 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:18)
Ricardo De Benedictis