Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"EU, MENDIGO"


Que culpa tenho eu, de ser assim?
De viver mendigando na calçada,
todos, sentem até nojo de mim
sem emprego, nem lar, tenho nada!

São noites frias, tenho que estar atento
durmo de dia, para a noite eu vigiar,
posso morrer, nas mãos do mau elemento
pergunto a Deus, até quando, vou agüentar?

Não tenho amigos, ninguém fala comigo
quantas vezes, senti falta de ombro amigo
escondo-me à noite, tal qual animal felino.

Sou um excluído, desta falsa sociedade...
nem faço parte, dos cidadãos desta cidade,
mas sigo em frente, apanhando do destino.
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 06/05/2006
Reeditado em 06/05/2006
Código do texto: T151280
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
3870 textos (257153 leituras)
185 áudios (36329 audições)
9 e-livros (7402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:41)
Antonio Hugo

Site do Escritor