Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CUPIDO MALVADO

Por Rosa Regis
Em 27/01/2000 - a caminho do Jerimum/PB


Não sei por que ainda espero tanto
que, ainda um dia, cruzes meu caminho
se tu te fostes sem nem ligar meu pranto;
sem te importares em me deixar sozinho.

Partiste, pois, sem ligar pra minha dor,
pro meu amor que, sem temor, te dei
e, só, fiquei! num mar de amargor
que o desamor da minha vida fez.

É que o amor não sabe escolher
a quem amar mas, simplesmente ama
sem nem saber sé é correspondido.

Envolve-se, pois, na sua própria trama!
E, descuidado, vê-se arremetido
Nos braços do cupido que o faz sofrer
















Rosa Regis
Enviado por Rosa Regis em 12/05/2006
Código do texto: T154580
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Regis
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 67 anos
383 textos (153757 leituras)
1 e-livros (7 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 09:18)
Rosa Regis

Site do Escritor