Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONETO DE PLANTAR AMOR

SONETO DE PLANTAR AMOR
® Nathan de Castro e Lílian Maial
 

Que seja sempre tão completamente,
O canto deste amor que se apresenta.
Tão grande, grande, grande e nunca ausente...
Perfeita é a flor da flor que ele sustenta.

Que seja sempre puro e irreverente
O verdadeiro fruto que alimenta.
Tão simples, ao desabrochar semente,
Tão forte, que por nada se arrebenta.

O caule, de imponência e majestade,
Balança a cada vento ou tempestade,
Mas nunca cede ao solo totalmente.

Que seja de carvalho a nossa cama!
Perfume da paixão que se declama
A cada beijo e a cada luta ardente.

Nem vimos as raízes se alongando,
Em nós, dois corações clorofilando,
Para que o encanto viva eternamente!


     ***********

Lílian Maial
Enviado por Lílian Maial em 28/05/2006
Código do texto: T164965

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "www.lilianmaial.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Lílian Maial
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1158 textos (248667 leituras)
21 áudios (13707 audições)
3 e-livros (1280 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:12)
Lílian Maial

Site do Escritor