Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto




"MAIS UM DIA"


Senti uma alegria no meu peito
quando o dia estava para nascer,
abri a janela, e ajoelhei sobre o leito
observei-te, mas não acordei você.

Duas pombinhas brancas no galho
eram duas coisas lindas de se ver,
a vegetação ainda cheia de orvalho
o sol saia, já começava a amanhecer.

Sentei na janela, e dei bom dia ao dia
o sol sobre o monte, para mim sorria,
dei bom dia ao vizinho que passava.

Conduzi o meu dia assim feliz
ouvi tocar os velhos sinos da matriz,
ia encarar, mais um dia que começava.



Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 06/06/2006
Código do texto: T170376
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
3870 textos (257179 leituras)
185 áudios (36330 audições)
9 e-livros (7402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 10:31)
Antonio Hugo

Site do Escritor