Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vãos amores


Deixa que eu suspire nos teus braços,
amorosa diva acetinada,
me faz dormir com teus mimosos traços
e te eterniza como minha amada.

Quero colher da tua alma aflita
a flama sibilante dos anseios,
e a solidão que tua noite agita
devo esconder na alvura dos teus seios.

Não me tire nunca mais desta clausura,
quero agrilhoar-me em teu regaço,
viver meu derradeiro devaneio;

e tu sabes que é melhor essa loucura,
deixar minh'alma te premer num laço,
do que livre dos amores, que não creio.
Chaplin
Enviado por Chaplin em 14/07/2006
Código do texto: T194157
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Chaplin
Rio Grande - Rio Grande do Sul - Brasil, 71 anos
420 textos (28738 leituras)
1 áudios (130 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:09)
Chaplin