Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Luz Finita

Eu quero me perder na tempestade
dentro de um furacão de sentimentos,
e se eu morrer de amor, eu sei, não há de
restar nenhum sinal no firmamento!

O céu azul, sem nuvens, na cidade
irá testemunhar meu julgamento,
pois, se em vida eu fugi da realidade,
morrerei versejando os meus lamentos!

Hei de partir feliz e simplesmente
deixar de ser matéria, de repente,
quando me vier buscar a “luz finita”!

E no mundo do sonho onde me espera
uma noite de intensa primavera
serei mais uma estrela que palpita!
Ciro Di Verbena
Enviado por Ciro Di Verbena em 15/07/2006
Código do texto: T194858
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ciro Di Verbena
Votorantim - São Paulo - Brasil
223 textos (8974 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:32)
Ciro Di Verbena