Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NOSSAS JURAS! À mulher da minha vida!

Neste soneto homenageio uma única mulher. É logico que toda mulher é única para alguém. Quem ama e não consegue ter sua amada, sabe muito bem do que estou falando. E a mulher amada, sabe ainda mais!...

NOSSAS JURAS!

Há muito que te perdi
Nos descaminhos da vida
Julguei a luta perdida,
Mas nunca te esqueci!

Numa noite, há alguns anos
Aparecestes, de repente
Com tanta pressa, que a gente
Não pode rever os planos...

E, de novo, foste embora
Como fizestes agora.
Por que ainda me procuras?

Se queres fazer um teste,
Leva o amor que me destes,
Esquece, pois, nossas juras!
Ricardo De Benedictis
Enviado por Ricardo De Benedictis em 19/07/2006
Reeditado em 20/07/2006
Código do texto: T197531

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo De Benedictis
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 77 anos
1214 textos (272359 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 16:52)
Ricardo De Benedictis