Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Esmaecer... 

Nuances sutil desancam no olhar
da alma que vagueia, enxergando
O ver da mente na crueza do lidar
Matizados em afrescos pincelando...

Infortúnios vividos impressos no criar
Eternizados no zimbório abandonado
Ao ler no corpo surdisses a abacinar
Inumando a lágrima no grito sufocado...

Ajeitando vestes de acintes a esvoaçar
Avivando pranto na retentiva abitado
Bradando injurias no templo a voejar...

Alados morcegos rondando o passado
Que insiste ser presente a assombrar
Amodorrados esmaecidos no abastado...

“A poetisa dos Ventos”
Deth Haak
12/7/2006



Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 24/07/2006
Reeditado em 24/07/2006
Código do texto: T201180
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 57 anos
547 textos (65368 leituras)
50 áudios (9719 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 11:48)
Deth Haak