Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eterna Espera

Jaz o fungo e as bactérias
Entupindo as artérias
Jaz o musgo fétido
Escassez de víveres esqueléticos

Profunda miséria e servidão
Oprime os filhos da terra
Calos e rugas nas mãos
Da eterna espera

No Sol que racha o solo
Caminha o raquítico
Cambaleante e fatídico

Pernas doloridas, sem forças
A raíz seca e o ardil
Faz brotar o sertanejo do Brasil
Humberto Amorim
Enviado por Humberto Amorim em 25/07/2006
Código do texto: T201672

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Humberto Amorim
Euclides da Cunha - Bahia - Brasil
55 textos (1918 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:15)
Humberto Amorim