Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VOLTE

Volte rainha para o seu “Recanto”,
Nós estamos morrendo de saudade.
A tristeza cruel nossa alma invade
E nos leva ao martírio, tanto, tanto.

A inspiração, trocamos pelo pranto;
Perdemos nossa própria liberdade.
Ataca-nos a negra ansiedade
E a poesia perde todo o encanto!

Cada verso, um espinho que machuca;
Cada rima, uma dor cruel, maluca,
E a métrica é uma prática abjeta.

Volte querida e esplêndida poetisa,
Volte logo — por que nos martiriza! —
Quer matar a nossa alma de poeta??
Lucan
Enviado por Lucan em 31/07/2006
Código do texto: T205829
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lucan
Salesópolis - São Paulo - Brasil, 85 anos
1985 textos (86951 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:22)
Lucan