Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PALAVRAS SOLTAS


Tenho pena... mas não posso chorar
Lágrimas, é algo que em mim se esgotou,
Se o senhor não sabe o que é amar
Então, é porque na verdade nunca amou.

Nas palavras ninguém me vai encontrar
Escrevo-as, amachuco e deito fora,
Não interessa, só servem para magoar
E maltratar o coração de quem me adora.

Homem leviano nunca se devia casar,
Não tem juízo nem cabeça para pensar
Deveria ficar para sempre solteiro...

Porque em casa, só um homem a valer,
Que saiba amar e também compreender
Que na vida, a mulher está primeiro.


Autora: Maria Custódia Pereira
Biazocas
Enviado por Biazocas em 16/08/2006
Reeditado em 14/09/2010
Código do texto: T217573
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Biazocas
Portugal, 65 anos
424 textos (15835 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:52)
Biazocas