Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu rio os rios

Vês! canto o som destes mares
Planice imponente alagada
Terra d'índios malograda
Pantanal no cio dos rios os lares

Vês! teu povo tropeiro ribeirinho
nas águas remançam tua lida
E as cores das garças é a vida
de cores do teu semblante passarinho.

Vês! este mar de rios inocentes
São pujantes igual o pantaneiro
que deste sal que'este mar solfeja

E se faz forte como o rio deseja
e singra teu caminho por inteiro
acorda pra vida, um Brasil descrente.
Silva Neto
Enviado por Silva Neto em 27/08/2006
Código do texto: T226405
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Silva Neto
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 43 anos
117 textos (33495 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:12)
Silva Neto