Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Versos e Buquês

De tudo que já fui sem nada ser
buscando me encontrar no que perdi,
eu guardo minhas posses por aí
nos olhos divinais dum bem-querer .

Fortunas reneguei por não saber
guardar o que me gasta por aqui,
eu somo só os sonhos que vivi
sem dívidas de amor ou de prazer.

Não poupo os minutos nem as horas,
a vida não espera, vai embora
sem nunca explicar os seus porquês...

E eu que tudo tive sem ter nada,
percebo num olhar da namorada
que rico é quem dá versos e buquês...
Vaine Darde
Enviado por Vaine Darde em 31/08/2006
Código do texto: T229664

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vaine Darde
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil
543 textos (83354 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:20)
Vaine Darde