Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A VELA DO TEMPO

Resquício de um poeta adolescente - 1950.
Aos meus amigos Fred de Souza Castro
e Toninho Mesquita.

Há muitos anos que partiu sorrindo...
Há muitos anos que partiu amando...
Há muitos anos que em ti sentindo,
Via a vela do tempo se enfunando.

Sumiu-se a vela...então, já longe indo,
Fez uma curva em si e foi voltando
E o tempo que chorava foi sorrindo
E a vela do tempo foi chegando.

Porém a vela que se acaba à-toa,
Não foi-se embora, ela esperou cantando
O tempo que não para e que só voa;

E o tempo retornou, teve saudade
E encontrou a vela se enfunando,
Aberta aos ventos da felicidade.
Raymundo de Salles Brasil
Enviado por Raymundo de Salles Brasil em 08/09/2006
Reeditado em 08/09/2006
Código do texto: T235356
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Raymundo de Salles Brasil
Salvador - Bahia - Brasil, 83 anos
237 textos (6827 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 11:55)
Raymundo de Salles Brasil