Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESPREZO E INDIFERENÇA.

“As pessoas nos julgam por aquilo que vêem”.
E o meu sorriso constante as confundem...
Pois não vivo lamentando pela minha triste dor
De não estar bem, mas a solidão não se engana.
 
Ela me reconhece, e insisti em ficar do meu lado.
É o sofrimento que tenho vivo parece não ter fim,
Pois meus dias tornaram-se longos e sufocantes.
Por viver a solidão que alguem um dia me trouxe!

Sim meu coração não se conforma em viver com dor,
Tendo sido deixado covardemente sem explicações,
Por aquele que um dia lhe deu tanto por amor...

Pois este esmagou todos os meus bons sentimentos,
Como se eles não existissem e não tivessem valor.
É seu desprezo e indiferença me trouxeram a dor...
Glaucia Duarte
Enviado por Glaucia Duarte em 14/09/2006
Reeditado em 20/06/2007
Código do texto: T239762

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Glaucia Duarte
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
1955 textos (250902 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 19:03)
Glaucia Duarte