Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Palavras melancólicas, resquícios de Mim....

Finalmente acordei
Despertei do vazio de viver
Sonhos perdidos plantei
Num jardim que não iam florescer.

Desejos regados na mente
Pétalas doloridas de uma flor
Na vida deixou semente
Inevitável fenecer do amor.

Que outrora era festa
Agora recolho meus pedaços
Além do pranto pouco me resta
Ombros, Carinhos estão escassos.

Procuro-me e não me acho
Perdida dentro de mim
Uva fora do cacho.

Estrada vejo distante
Nesse caminho sem fim
De um anseio infante.

N.F.S
Nelciene Santos
Enviado por Nelciene Santos em 17/09/2006
Código do texto: T242108

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Textos: Nelciene Santos http://recantodasletras.uol.com.br/autores/poesinel). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nelciene Santos
Cabo de Santo Agostinho - Pernambuco - Brasil, 44 anos
1098 textos (68612 leituras)
1 e-livros (34 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:16)
Nelciene Santos