Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu Arco-Íris

Tentei tocar teu rosto como aos raios do Sol!
Vi a forma nas nuvens e ao longe em miragem,
E percebi o quão é belo como sublime arrebol,
Mas abstrato e imaculado como virgem paisagem.

Se estás no meu sonho materializa-se para mim!
Se estás em minha mente me dê, clamo, lembranças
Para acreditar que existes e ter fé em ti, assim...
De que um dia o alcançarei! Está é minha esperança.

Sáibas, pelo menos, que aqui, ali, além notando-te!
Meu coração antes rebelde mas já quebranto, se jaz
Porque ainda te quero, te desejo, e preservo-te...

Acabe, por favor, com este desprezo te peço, Íris!
O Arco já se foi, a chuva já estiou neste templo,
Que é o mundo pra mim do teu sorriso e que só tu ris.


Rogério Guasti
Enviado por Rogério Guasti em 05/10/2006
Código do texto: T256905

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site www.recantodasletras.com.br"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rogério Guasti
Vitória - Espírito Santo - Brasil, 36 anos
333 textos (32451 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:27)
Rogério Guasti