Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vida...

Fecho os olhos, sinto a vida ir embora...
O corpo leve, a respiração se esvaindo;
As pálpebras pesadas, respiração lenta...
É a vida partindo, os sonhos esvaindo;

De repente sinto uma luz
Um forte vento a sopra-me
Um calor a evadir os meus poros
Uma energia em minha corrente sanguínea

Não da para resistir,
É a vida voltando para mim
Fazendo o coração pulsar em meu peito

Não resisto, abro os olhos...
Que luz maravilhosa, como brilha!
É a vida, estou vivo, viva a vida!
Falcão Dourado
Enviado por Falcão Dourado em 17/10/2006
Reeditado em 17/10/2006
Código do texto: T266415

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Falcão Dourado
São Paulo - São Paulo - Brasil
322 textos (30992 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:23)
Falcão Dourado