Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na Idade das Flores


A noite vencia!...Na doce magia
Qual linda aquarela estampada em brilhantes
Chegava assim bela, tão plácida e fria;
Madona envolvida em lençol de diamantes...

Em meio às estrelas um rastro surgia...
Ligeiro sumia nos campos distantes;
Um rastro de luz refletindo poesia:
Intrépido sonho feliz dos amantes!

A noite passava sorrindo aos poetas...
Havia um lascivo bailado de amores
E flores sugando o prazer de outro dia!

Havia na noite rumores de festas
E o jovem boêmio na idade das flores
Cantava, dançava, fumava e bebia!
Ciro Di Verbena
Enviado por Ciro Di Verbena em 18/10/2006
Reeditado em 22/11/2014
Código do texto: T267835
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ciro Di Verbena
Votorantim - São Paulo - Brasil
223 textos (8974 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:40)
Ciro Di Verbena