Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FIO DE PRUMO



Cansei de buscar o Santo Graal
Descortinar teu ser impenetrável
Intento tanto quanto inviável
Como calar esta paixão fatal

Não me assustam os tropicais calores
Nem vendavais receio enfrentar
Só muros de gelo pra me gelar
No sangue meus ímpetos e ardores

É a palavra morta em tua boca
Que me deixa perdida como louca
Tornada viajante sem ter rumo

Falta-me a bitola, o fio de prumo
Que nivele a paixão pra não ser pouca
Nem demais para não soar a oca

***

In E-Book “Sonetos Escolhidos”
http://www.delnerobookstore.com/bibliotecas_virtuais/carmo_vasconcelos
Carmo Vasconcelos
Enviado por Carmo Vasconcelos em 21/10/2006
Código do texto: T269986
Classificação de conteúdo: seguro

Áudio
FIO DE PRUMO - Carmo Vasconcelos
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carmo Vasconcelos
Lisboa - Lisboa - Portugal
203 textos (15408 leituras)
62 áudios (7662 audições)
15 e-livros (1367 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:30)
Carmo Vasconcelos