Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CAPITALISMO

Há um certo fantasma que nos ronda, só,
Nas trevas e nos trevos escuros da noite,
Alimentando egoísmo e dividindo pó
Na atroz escuridão do seu Mundo de açoite.

Escravizando sonho, entrincheirado em nó
Rígido e comprimido pra doer sem limite,
Somos desse avejão prisioneiros sem dó,
Feitos pra sofrimento que alegria evite.

Um fantasma sem voz que subliminarmente
Age, dentro da entranha mais, mais, mais recôndita.
Sem notar, sem pedir nos aprisiona a mente

Em caminho coercivo e com falsa benesse.
Somos robotizados e vemos desdita
Cada justa quimera da nossa alma, e messe.
(Alexandre Tambelli® - 2004)
Alexandre Tambelli
Enviado por Alexandre Tambelli em 25/10/2006
Código do texto: T273116
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Tambelli
São Paulo - São Paulo - Brasil, 48 anos
676 textos (116530 leituras)
8 áudios (2991 audições)
1 e-livros (398 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 09:53)
Alexandre Tambelli