Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O beijo profano

Do beijo profano trago o cheiro;
o gosto na boca inventado,
Sabor passageiro de pecado
que na boca pousou ligeiro.
 
Orgia estranha aflorada
com jeito de sinuosa dança;
ventre com ventre balança
na união com beijo selada.
 
Quem explica a bela fantasia
do beijo selo quase virginal?
Um atrevimento quase iguaria.
 
Se sem pudor, torna-se real
o que era delirante alegria,
pode virar traição visceral.
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 12/11/2006
Código do texto: T289683

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55629 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:23)
Angélica Teresa Almstadter