Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

14 - (S.C) – ESPAÇOS DO AMOR.

Sonetos de Amor à Carmelita.
De. Manoel Lúcio de Medeiros.
Fortaleza, 15/01/2006.

O amor unido só tem a somar,
São pedras no alicerce a levantar,
Uma parede firme, sem cair,
Amor firmado só tende a subir!

Contigo eu vou subir até voar,
Amor conquista espaços no amar,
Amor é arma que só forja o bem,
Quem não tiver amor, não tem ninguém!

Eu tenho o meu amor para te dar,
O meu carinho e tudo que eu pensar,
O homem que ama vale mais que cem,

E quem não ama não será alguém!
Agora eu vou falar sobre o amor,
Um sentimento de um mais puro bem!


Direitos autorais reservados.





Malume
Enviado por Malume em 14/11/2006
Reeditado em 14/11/2006
Código do texto: T290671
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Malume
Fortaleza - Ceará - Brasil
452 textos (16875 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:15)
Malume