Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JORNADA


Venho de uns longe de amargura e dor,
Passado humilde de recordo ainda,
A vida pôs-me à prova. Na berlinda...
Andei, amalgamei, fiz-me ao labor.

Os sofrimentos dão-me alento e ardor,
A têmpera caldeiam sempre e ainda.
Vezes chorei, é certo, mas na vinda,
Venci-me do egoísmo pelo amor.

Não sei se fui feliz nesta jornada,
Mais amargura que prazer em mim.
Sei que lutei... Venci... De longe vim.

Agora, na descida para o nada,
Alma sofrida, dor retemperada,
Ando tranqüilo contemplando o fim.

Salvador, 26-02-1963
 
João Justiniano
Enviado por João Justiniano em 15/11/2006
Código do texto: T291980

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
João Justiniano
Salvador - Bahia - Brasil, 96 anos
619 textos (19607 leituras)
13 e-livros (1027 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:31)
João Justiniano