Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM AMOR, UM GRANDE AMOR

   

Palpitava minha alma, e eu, balbuciando
Clamava por amor. Tu, não ouvias,
Estavas longe de mim, noutro recanto,
Querias amargar meus tristes dias.

Estavas longe de mim, porém teu cheiro
Deixaste no lençol ainda comigo,
Também deixaste lá no travesseiro
Um beijo de batom; e a foto antiga

Na cômoda ficou, ficou a roupa,
Teus calçados, tuas jóias, teus pertences,
Tudo ainda está no guarda-roupa.

Deixaste também no quarto o silêncio,
E eu a meditar nas horas poucas,
E o luto pra consolar o meu intento.

Geraldo Altoé
Geraldo Altoé
Enviado por Geraldo Altoé em 22/11/2006
Reeditado em 29/08/2007
Código do texto: T298625
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Geraldo Altoé
Serra - Espírito Santo - Brasil, 60 anos
747 textos (17679 leituras)
1 áudios (13 audições)
2 e-livros (164 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:48)
Geraldo Altoé

Site do Escritor