Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FLAUTA***

Oh! Meu Grandioso Deus! Bendita é: flauta
Que navega Teu Espírito Supremo,
No Universo onde Moras... (Esse remo
Por dedos velejado numa pauta

Musical de Sensível Luz!) Arauta
Da Boa Nova, Irmã do que seremos,
-- Porque viaja no Céu para onde iremos --
É, das Inspirações, a mais Alta...

Flauta Suave, Bendita, Companheira...
Tu és a Passageira do Infinito...
Fazendo a alma dos poetas mais bonita!

Ouço-te com leveza... Mãe Altaneira
Dos Acordes Divinos! Som Bonito!
Tu levas-nos à Margem Infinita...

*** Poema dedicado à Vagner Nazareth tocando flauta; nascido ao escutar o CD Terra Mater!
Alexandre Tambelli
Enviado por Alexandre Tambelli em 02/12/2006
Reeditado em 22/10/2011
Código do texto: T307582
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Tambelli
São Paulo - São Paulo - Brasil, 49 anos
676 textos (128677 leituras)
8 áudios (3013 audições)
1 e-livros (403 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 10:03)
Alexandre Tambelli