Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NavegArte


Navegar-te, sem bússola, Poesia,
É navegar em frios oceanos mancos.
Há quem diga, que é fundear versos brancos
Nas ondas murchas dum final de dia!...

Nem sempre aprumarei com maestria...
Algumas vezes irei com os bandos
Das aves migratórias, e os meus cantos
Entoarão os sons da rebeldia.

Mas, se os ocasos me desnortearem
E na minha trist'alma abalroarem,
Sei que terei a fúria como aviso!

Tolera, então, que afronte mares novos,
Que testemunhe, só,  longínquos povos,
Pois sei que  "Navegar-te é preciso...”
Cristina Pires
Enviado por Cristina Pires em 18/07/2005
Código do texto: T35348

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cristina Pires
França, 51 anos
87 textos (6700 leituras)
1 áudios (37 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:24)
Cristina Pires