Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PARA OS DIAS ATRIBULADOS

Quando estiverdes em dias atribulados
cantai uma cantiga ao silêncio
e um pássaro pequeno pousará
na vítrea  janela do vosso quarto.

Pegai um livro nesses dias tristes,
andai descalços nas calçadas nuas,
a alma toda fluirá do frasco
que é o vosso corpo sepulcral.

Regai a manhã com a água pura
do cântaro azul do infinito.
Ride ao velhinho curvado na estrada

na solidão do dia espectral.
Cantai uma cantiga ao silêncio
quando estiverdes em dias atribulados.
Enzo Carlo Barrocco
Enviado por Enzo Carlo Barrocco em 18/07/2005
Código do texto: T35443
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Enzo Carlo Barrocco
Belém - Pará - Brasil, 56 anos
733 textos (134422 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:31)
Enzo Carlo Barrocco