Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR ANTIGO



Soneto para Carmen Lucia

Não sei por  que quando à tardinha caminhando,
Em passo lento sobre aquela velha  ponte,
Escuto o rio a descer cantarolando
Uma cantiga que enruga a minha fronte!

Talvez eu sinta neste canto desaguando
As ilusões por mim vividas num instante
De um tempo atrás que irreversível foi passando,
Deixando as marcas d!um avatar vivo e marcante!

E das lembranças que me afloram palmo a palmo,
Tiro estas liras que declamo como um salmo
A reviver minha passada mocidade!

E sem ter como retornar no meu caminho,
Olhando o rio e relembrando o antigo ninho,
Minh!alma chora neste canto de saudade!


Midi? Caminhemos
Nelson de Medeiros
Enviado por Nelson de Medeiros em 07/09/2005
Reeditado em 31/05/2011
Código do texto: T48538

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson de Medeiros
Cachoeiro de Itapemirim - Espírito Santo - Brasil
493 textos (66342 leituras)
11 áudios (2996 audições)
1 e-livros (184 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:46)
Nelson de Medeiros

Site do Escritor