Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Des(a)tino


Hoje vejo que de tudo que me deu a vida,
Penso que até bem mais do que mereço,
Constato que nada o foi de forma gratuita,
E concluo que por tudo paguei alto preço.

A cada sorriso feliz, muitas lágrimas sofridas,
A cada segundo de enlevo, horas de tristeza,
A cada chegada esperada, sempre a despedida
Do amor sonhado, vivido e findo com presteza.

Aprendi a esperar quando já não me resta tempo,
A jejuar, quando já nem mesmo mais tenho fome,
E a pensar, quando já se embota meu pensamento.

Difícil viver, quando se tem alma alegre de menino,
Contida e prisioneira em corpo de triste homem,
Ansiosa por voar e cumprir seu próprio destino!
LHMignone
Enviado por LHMignone em 21/09/2005
Reeditado em 14/10/2013
Código do texto: T52454
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LHMignone
Mimoso do Sul - Espírito Santo - Brasil
1319 textos (200609 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:28)
LHMignone