Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENQUANTO HOUVER NO MUNDO (Soneto)

Enquanto houver no mundo uma saudade,
Daquelas que machuca, mas faz bem;
Um pouco de esperança, uma verdade,
Um riso de criança e a fé também...

Enquanto houver um gesto de bondade,
Um homem se importando co'outro alguém,
Um pouco de virtude e de humildade,
Um horizonte muito mais além...

Enquanto, finalmente, houver no mundo
A poderosa chama que é o amor
Nos dando força, seja como for...

Haverá sempre - eu não me confundo -
Após a noite de um negror profundo,
A vida renascendo numa flor.
EMILIO CARLOS ALVES
Enviado por EMILIO CARLOS ALVES em 06/10/2005
Reeditado em 16/02/2006
Código do texto: T57166
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
EMILIO CARLOS ALVES
Santos - São Paulo - Brasil, 69 anos
167 textos (52079 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:57)
EMILIO CARLOS ALVES