Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Diário de um pecador (Inspirado na poética de Bocage)


Adormeci orgias em tantos leitos
nas minhas noites servis de donatário,
que, de paixões, eu enchi o meu diário,
hoje fechado à luz do preconceito.

Tu foste, sim, dentre todas, a mais bela,
que a minha gula eu fiz satifazer.
Doei-me pra ti até quase morrer,
a cavalgar teus pudores de donzela.

Eu poderia, decerto, ter-te amado,
não fosse este sósia pecador
filho pródigo nascido pecado.

Mas se um dia vier morrer de amor,
este meu diário restará fechado,
pra ser, enfim, aberto em teu louvor.
Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 14/10/2005
Código do texto: T59732
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Herculano Alencar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 62 anos
1335 textos (57885 leituras)
5 áudios (264 audições)
13 e-livros (3212 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:08)
Herculano Alencar

Site do Escritor