Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amenidades

Eu penso que talvez valesse a pena
querer me libertar desta agonia
de ver as ilusões de cada dia
e achar a solidão assim serena.


Eu sinto uma saudade tão amena
e penso que talvez na poesia
a mesma solidão fosse pequena
e tanta liberdade eu sentiria...


Um dia, sem querer, vou novamente
vencer esta distância que tortura
e ver a cor da vida diferente;


irei sorver na fonte da ternura
teu riso, meu amor, em minha mente:
Um sonho, uma ilusão, uma procura!
Poeteiro
Enviado por Poeteiro em 18/10/2005
Código do texto: T60651
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeteiro
Santos Dumont - Minas Gerais - Brasil
440 textos (10789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 09:04)
Poeteiro