Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Prosopopéia

Cadeira quebrada,
Coitada, não serve mais de acento...
E fica num canto jogada,
Maltratada ao relento...

Cadeira quebrada,
Que não se junta mais a mesa,
Mas espera ser reformada,
Com a nobre mão inglesa...

Para depois ser pintada,
Devidamente laqueada,
Com a cor do marfim...

E ha quem esperava um devido fim,
Termina assim essa odisséia,
Da cadeira e sua prosopopéia...
Marco Ramos
Enviado por Marco Ramos em 22/08/2007
Código do texto: T619078
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco Ramos
Salvador - Bahia - Brasil, 48 anos
242 textos (17596 leituras)
5 áudios (367 audições)
3 e-livros (413 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 08:44)
Marco Ramos