Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
RESSURREIÇÃO

Vento impetuoso do norte,
Um tenebroso arrastão,
Vale sombrio da morte,
Tudo é devastação.

Ainda assim respira bio,
Acredita ser capaz,
De fluir como um rio,
E desaguar no algo mais.

Então, lança de si um brado,
Desejo de libertação,
De viver um sonho dourado.

Sente um tremor nas mãos,
Os lábios abrem-se num sorriso,
...É tempo de ressurreição.
DELEY
Enviado por DELEY em 24/08/2007
Código do texto: T622465

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DELEY
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
4964 textos (187804 leituras)
4 e-livros (1657 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 00:23)
DELEY