Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A “distancia” que não separa

O vento, o tempo, talvez por alento,
Consigo te encontrar  nos  sonhos,
Nos desejos, malicias e vaidades...
Nas estrelas, até mesmo no brilho da lua.

É só mais uma verdade ditosa!
Encontro-te no vôo  de um pássaro,
E... não encontro o repouso,
Que preciso tanto,  no teu abraço.

Abro os olhos e  com  espanto,
Na imaginação, sinto o aconchego,
Recebo teu beijo, com assombro.
 
Confio no invisível, no amor mais bonito,
Que vencendo as distâncias, sobrevive,
A cada sonho, a todo instante.
SilScher
Enviado por SilScher em 27/08/2007
Código do texto: T625961
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SilScher
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
150 textos (9938 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 09:18)
SilScher