Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

* DE TANTO AMAR *

Vem aqui linda andorinha
Leva notícias pra meu amor
Diz-lhe que estou aqui na mata
Procurando-o em plena dor

A noite está chegando tristonha
O frio vai congelar minha pele
Preciso de um cobertor humano
Pra me aquecer neste inverno

Diz-lhe que sozinha eu não canto
A lágrima embarga minha voz
Seu canto ao meu é albatroz

Tenho medo de escuro desta mata
Mas tocando tua mão junto a minha
A coragem ressurge em companhia

Minha noite nos teus braços, tem alento
E a força necessária pra saber,
Que por mais que seja intenso e forte o vento,
Eu tenho o meu amor pra proteger

Do frio da saudade, de um tormento
Que mata sem a gente perceber.
Sentindo o teu carinho, o sentimento
Que invade a minha vida é de prazer.

Teu canto que me encanta e que me ampara,
Os olhos que me guiam, estrelares
Gostoso mergulhar nos teus olhares

E ver cada pepita, pérola rara,
Tu és a companheira que sonhei,
Amor que sempre, sempre imaginei...

SOGUEIRA
Marcos Loures

Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 29/08/2007
Reeditado em 30/08/2007
Código do texto: T629184

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2364 textos (128670 leituras)
13 e-livros (699 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 02:14)
Sonia Nogueira

Site do Escritor