Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nada mais sou ...


Que um  barco navegante de  instantes
guardando momentos amargos .
Não sou de lugar algum , antes
que dia envergue auroras nos lagos.

Lanço ancoras na noite dos amantes
nos meandros que desconheço ,
por cheiros inebriantes ,
além dos montes, esmoreço .

O fascínio me arrebata
quando o sol despe as vestes
e em loucuras a lua me reveste.

A deriva, sem rota ou semente ,
invadida pelo mar dos ardores , naufrago.
Bastaria um suspiro para sentir-me gente que sente.

31/09/07
Maria Thereza Neves
Enviado por Maria Thereza Neves em 01/09/2007
Código do texto: T633213
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Thereza Neves
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
3364 textos (91826 leituras)
6 e-livros (225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 08:49)
Maria Thereza Neves