Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FELIZ

Se eu fosse feliz!
Ai como bom seria!
E eu que tanto queria...
Mas meu ego, apenas chegou, ao infeliz!


Não, que não seja possível,
O estado, esse, que à minha alma bem faria!
Se eu o tivesse, minha alma sorriria...
Mas para mim, foi inatingível.


Para paz, termos à verdade, temos que nos sujeitar.
E águas de vida beber...
Para equilíbrio, alcançar...


Mas como «Bocage»
Já Helder, não sou, por do bem fazer, não ter sido capaz.
No entanto, sabe tu minha alma, que no além a Deus vais abraçar!



HELDER DUARTE
HELDER DUARTE
Enviado por HELDER DUARTE em 05/09/2007
Reeditado em 06/09/2007
Código do texto: T639240

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
HELDER DUARTE
Portugal, 54 anos
178 textos (7930 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 11:40)
HELDER DUARTE