Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

>AMANDO AO LUAR**

Nas matas te encontrei assim absorto
Olhando e o luar já nos sorrindo
Deite-me ao teu lado, silenciosa
Unimos nossas mãos templo Divino

No canto a passarada em melodia
Guiava nossas mentes em fantasias
Nem o rei leão feroz apareceu
Só o silêncio contemplando a melodia

A noite caiu vento suave soprando
As nuvens testemunhas não ousavam
Soltar suas gotículas e pernoitavam

Em vigília deste amor sereno e firme
No Céu rasga o trovão seguro e vivo
O sonho acabou, volta amor eu te suplico

Retorno pros teus braços, minha amada,
Somente não pergunte o que passei,
A vida em teus abraços, bem marcada
Por esperança imensa, eu encontrei.
Decerto em nossa sorte abençoada,
Castelos de ilusão, eu já criei.

Abrindo o peito ao canto extasiado
Da passarada solta no sertão,
Andando assim de banda, vou ao lado
Do sonho em que marquei meu coração,
Por deuses sonhadores demarcado,
Gotas maravilhosas da emoção.

Não vejo mais a vida sem saber
Da boca que me beija, com prazer...

SOGUEIRA
MVML
Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 05/09/2007
Código do texto: T639844

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2364 textos (128638 leituras)
13 e-livros (685 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 05:17)
Sonia Nogueira

Site do Escritor