Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
> AMAR-TE **

Amar-te assim em bela tarde
Sol queimando a pele vento forte
A mente já desliza em pensamento
Gritando ao coração no rumo norte

As portas sempre abertas fartos risos
Eleva a emoção oculta ao tempo
A vida se ameniza nas palavras
Que dedilham tanto amor neste momento

Vôo que corre distante em rapidez
Espalha a mensagem entrega amor
Não apagando a chama é mais fulgor

Deveras meu amigo é com prazer
Esta dedicação nos versos meus
Hoje nós dois amanhã pertence a Deus

Amar: belo concerto em duas vozes,
Que fazem da harmonia doce encanto,
Na mesma melodia este bel canto
Apascentando dores mais atrozes,

Deixando mais distantes seus algozes
Amores encetando um sonho santo
Distante do talvez e do entretanto,
Encontram-se comuns, as mesmas fozes.

Amar é ter certezas e verdades
E ter nas incertezas, mansidão.
Sonhar etereamente veleidades

Pegar o sentimento com a mão
Saber que a cada dia bem regado,
Amor será bendito, eternizado.

SOGUEIRA
Marcos Loures

Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 06/09/2007
Código do texto: T641341

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2364 textos (128666 leituras)
13 e-livros (699 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 19:29)
Sonia Nogueira

Site do Escritor